PROSPECTIVE STUDY AND PROPOSAL OF A NEW DIGITAL PLATFORM TO IMPROVE THE PROCESS OF OFFERING REINFORCEMENT CLASSES

Dyêgo Almeida Cordeiro, Matheus da Silva Sales, Valmir Antonio da S. Júnior, Vivianni Marques Leite dos Santos

Resumo


Historicamente, as matérias de exatas são as mais temidas pela maioria dos alunos. Segundo o Programa Internacional de Avaliação de Alunos, em 2018, os estudantes da faixa etária entre 15 e 16 anos, estavam abaixo do nível em conhecimentos matemáticos. Tais dificuldades não ocorrem apenas durante ensino fundamental e ensino médio, mas também no ensino técnico e superior. Partindo desse contexto de dificuldades na aprendizagem das matérias de exatas, o objetivo desse artigo é realizar estudo prospetivo acerca de plataformas digitais e propor uma plataforma que ofereça serviços de aulas de reforço em matérias de exatas de modo diferenciado. Espera-se contribuir com a mitigação das dificuldades dos alunos naquelas matérias. Tal pesquisa é classificada como qualitativa, exploratória e descritiva. A busca de anterioridade foi realizada na platoforma do Instituto Nacional de Propriedade Industrial e espacenet. Ao final, verificou-se que há poucos e recentes (a partir de 2010) desenvolvimentos protegidos por patentes nacionais ou internacionais, ou ainda programas de computador, relacionados a plataformas direcionadas para a melhoria do ensino-aprendizagem e que nenhuma destas tecnologias refere-se a uma proposta de plataforma digital que operacionalize a oferta de aulas de reforço, principalmente com foco nas matérias de exatas, incluindo, entre outros: onde encontrar tais serviços;diferentes opções de valores a serem pagos, bem como possibilidade de estorno; distâncias envolvidas e informações do professor ou professora, quanto à sua formação e seu histórico de avaliação por parte de outros(as) discentes.


Palavras-chave


Conhecimentos Matemáticos; Plataforma Digital; Modelo de Negócios

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Brasil no Pisa 2018 [recurso eletrônico]. – Brasília : Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, 2020. 185 p. : il. ISBN 978-65-5801-039-5.

BRASIL. INPI - Instituto Nacional de Propriedade Industrial. Disponível em: www.inpi.gov.br. Acesso em: 15 dez 2021.

BRASIL. Presidência da República. Lei n. 9.279, de 14 de maio de 1996. Regula direitos e obrigações relativos à propriedade industrial [Internet]. 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9279.htm. Acesso em 10 dez. 2021.

BARUFI, M. C. B. A Construção/ Negociação de Significados no Curso Universitário Inicial de Cálculo Diferencial e Integral. São Paulo: Tese de doutorado, 1999.

CARVALHO, Anderson Vinicius. Plataforma digital com software dedicado para transmissão de vídeos 360° com elementos gráficos interativos. BR 102019019415-4 A2. Data de Depósito: 19/09/2019. Data publicação: 30/03/2021.

COSTA, Jorge Adelino; VENTURA Alexandre; NETO-MENDES António; MARTINS, Maria Esperança. Reforço escolar: análise comparada dos meandros de um fenômeno em crescimento. Educação Unisinos. v. 17, n. 3, p. 205-214, 2013.

EXTRA. Matérias de Ciências Exatas têm menor índice de acertos em vestibular. 2016. Disponível em: https://extra.globo.com/noticias/educacao/profissoes-de-sucesso/materias-de-ciencias-exatas-tem-menor-indice-de-acertos-em-vestibular-20536653.html. Acesso em: 17 dez. 2020.

FERREIRA-HERRERA, Diana Carolina. El modelo Canvas en la formulación de proyectos. Cooperativismo y Desarrollo, v. 23, n. 107, 2015.

FREITAS, Antônio. Era Digital: Como o Mercado Imobiliário tem reagido? - Blog

Terreno Livre. [S. l.], 2020. Disponível em: https://terrenolivre.com.br/blog/era-digitalmercado-

imobiliario/. Acesso em: 23 dez. 2021.

GOMES, Candido Alberto; MARIANO, Fernando; OLIVEIRA, Adriana de; BARBOSA, Alessandro; SOUSA, José Hilton B. de; FRIEDRICH, Nidolf. Reforço escolar: gastos e desigualdades sociais. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 91, n. 227, p. 55-74, 2010.

G1. Como superar as dificuldades em disciplinas exatas e garantir bons resultados. 2018. Disponível em: https://g1.globo.com/sc/santa-catarina/especial-publicitario/so-exatas/noticia/2018/08/27/como-superar-as-dificuldades-em-disciplinas-exatas-e-garantir-bons-resultados.ghtml. Acesso em: 16 dez. 2020.

HUMMEL, Milton; SILVA, Adilson Aderito da. Modelo de negócios em plataforma digital para comercialização de flores no Brasil. Revista Navus. v. 10, p. 01-17, 2020.

JIANDONG, Sun. Digital education asset operation platform based on block chain. CN109754253. Data de Primeira Prioridade: 2017-02-17. Data publicação: 2019-05-14.

LINHALIS, Flávia (2020) O isolamento social mostrou a urgência em incorporar tecnologias ao ensino. Revista ComCiência. Dossiê Virtualização. Entrevista. Disponível em: https://www.comciencia.br/flavia-linhalis-o-isolamento-social-mostrou-a-urgencia-em-incorporar-tecnologias-ao-ensino/. Acesso em: 20 dez. 2021.

LINHALIS, Flávia. Famílias, o que vocês têm feito para ajudar no ensino das suas crianças durante a pandemia? Research, Society and Development, v. 10, n. 4, 2021.

MINAYO, M.C.S. Ciência, técnica e arte: o desafio da pesquisa social. Petrópolis: Vozes, 2001.

MOREIRA, J. A. M., HENRIQUES, S.; BARROS, D. Transitando de um ensino remoto emergencial para uma educação digital em rede, em tempos de pandemia. Dialogia. 351-364. 10.5585/dialogia.n34.17123. 2020.

OKANO, Marcelo Tsuguio; SIMÕES, Eliane Antonio; LANGHI, Celi. Plataformas de negócios digitais: o poder da transformação digital nos dispositivos moveis. Research, Society and Development, v. 9, n. 2, 2020.

OLIVEIRA, H. P.; PASSOS, W. A. C. Ensino da Física Básica para as Engenharias: o caso da UNIVASF. Revista de Ensino de Engenharia, v. 33, p. 9-14, 2014.

PARKER, Geoffrey G.; VAN ALSTYNE, Marshall W.; CHOUDARY, Sangeet Paul. Plataforma: a revolução da estratégia. Alta Books, 2019.

SOUZA, Jéssica Itaiane Ramos de; LEITE, Quesia dos Santos Souza; LEITE, Bruno Silva. Avaliação das Dificuldades dos Ingressos no Curso de Licenciatura em Química no Sertão Pernambucano. Rev. Docência Ens. Sup. , v. 5, n. 1, p. 135-160, 2015.

SEDLACEK, Jefferson Roberto. Plataforma digital interativa para ensino e aprendizagem composta de ambientes virtuais e presenciais. BR 102015003114-9 A2. Data de Depósito: 12/02/2015. Data publicação: 16/08/2016.

VIEIRA, Amanda Aires. Plataforma digital para otimização de performance de aprendizagem baseado em gamificação e inteligência artificial. BR 102017025323-6 A2. Data de Depósito: 24/11/2017. Data publicação: 11/06/2019.

VIEIRA, Gabriela de Souza. Plataforma digital - site e aplicativo, para compra e realização de treinamentos sobre segurança no trabalho e seu gerenciamento. BR 102019007533-3 A2. Data de Depósito: 12/04/2019. Data publicação: 24/12/2019.

ZIBETTI, Marli Lúcia Tonatto; PANSINI, Flávia; SOUZA, Flora Lima Farias de. Revista Semestral da Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional, SP. v. 16, n. 2, 2012.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2022 Revista INGI - Indicação Geográfica e Inovação

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons
Revista INGI - Indicação Geográfica e Inovação. A Revista INGI está licenciada com a Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

ISSN: 2594-8288

Esta Revista é uma publicação da Associação Acadêmica de Propriedade Intelectual - API - www.api.org.br 

A REVISTA INGI está cadastrada nos sistemas: