Inteligência Artificial e Programas de Computador: Mapeamento Tecnológico dos Registros no Brasil

Breno Ricardo de Araújo Leite, Danielle Regina da Natividade Ferreira, Luana Silva do Rosário, Luiz Henrique Castelan Carlson, Araken Alves de Lima, Irineu Afonso Frey

Resumo


A inteligência artificial é um ramo da ciência da computação que visa criar máquinas inteligentes, cujo funcionamento e reações buscam imitar os seres humanos, apresentando, inclusive, capacidade de aprendizado autônomo. A inteligência artificial se tornou uma parte essencial da indústria de tecnologia. Entretanto, não se tem uma visão clara da abrangência do uso desse recurso tecnológico, visto que geralmente ele atua nos “bastidores”, permitindo o funcionamento dos protagonistas, ou seja, os equipamentos, máquinas e hardwares de maneira geral, que inclusive já foram alvo de extensivo mapeamento em nível global. O objetivo deste trabalho é, portanto, realizar um mapeamento dos programas de computador, registrados no Instituto Nacional da Propriedade Industrial, cuja funcionalidade é baseada em inteligência artificial, para verificar a atuação do Brasil em relação a apropriação dessa tecnologia e se o país está acompanhando o cenário mundial em termos de proteção intelectual. A metodologia utilizada foi um estudo bibliométrico dos registros na base de dados do Instituto Nacional da Propriedade Industrial, com tabulação e análise dos dados em planilhas eletrônicas, comparando com a taxonomia proposta pela Organização Mundial da Propriedade Intelectual, que mapeou as patentes mundialmente. Os resultados demonstraram que o Brasil ainda possui um acervo de programas de computador de pequena monta, apenas 110 registros, porém esse número está em plena ascensão. Do ponto de vista de utilização da tecnologia e dos titulares, o cenário nacional é bem diferente do percebido em nível global, mas ambos indicam que essa área está em plena expansão.

Palavras-chave


ciência da computação; INPI; prospecção tecnológica; software.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Decreto n° 2.556, de 20 de abril de 1998. Regulamenta o registro previsto no art. 3o da Lei no 9.609, de 19 de fevereiro de 1998. Brasília, DF, 1998b.

BRASIL. Lei n° 9.279, de 14 de maio de 1996. Regula direitos e obrigações relativos à propriedade industrial. Brasília, DF, 1996.

BRASIL. Lei n° 9.609, de 19 de fevereiro de 1998. Dispõe sobre a proteção da propriedade intelectual de programa de computador, sua comercialização no País, e dá outras providências. Brasília, DF, 1998a.

GIL, A. C. Como Elaborar Projetos de Pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

IGAMI, M. P. Z. Elaboração de indicadores de produção científica com base na análise cientométrica das dissertações e teses do IPEN. 2011. p. 179. Tese (Doutorado em Tecnologia Nuclear - Materiais) – Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares, Universidade de São Paulo. São Paulo. 2011

INPI. Guia básico de programa de computador. Serviços - Programa de Computador, 2019. Disponível em: http://www.inpi.gov.br/menu-servicos/programa-de-computador/guia-basico-programa-de-computador. Acesso em: 25 jun. 2019.

INPI. Procedimentos para o exame de pedidos de patentes envolvendo invenções implementadas por programa de computador. Rio de Janeiro: INPI, 2011. Disponível em: http://www.inpi.gov.br/menu-servicos/patente/consultas-publicas/arquivos/consulta_publica_1_versao_original.pdf. Acesso em: 25 jun. 2019.

LOBO, L. C. Inteligência artificial, o Futuro da Medicina e a Educação Médica. Rev. bras. educ. med., Brasília, v. 42, n.3, p. 3-8, set. 2018. Disponível em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-55022018000300003&lng=pt&nrm=iso. Acesso em 16 ago. 2019.

RUSSELL, S. J.; NORVIG, P. Artificial Intelligence a modern approach. 3. ed. New Jersey: Pearson, 2009.

WIPO. Data collection method and clustering scheme WIPO Technology Trends 2019: Artificial Intelligence. Genebra: World Intellectual Property Organization, 2019, 25 p. Disponível em: https://www.wipo.int/export/sites/www/tech_trends/en/artificial_intelligence/docs/techtrends_ai_methodology.pdf. Acesso em: 25 jun. 2019.

WIPO. WIPO Technology Trends 2019: Artificial Intelligence. Genebra: World Intellectual Property Organization, 2019, 158 p. Disponível em: https://www.wipo.int/edocs/pubdocs/en/wipo_pub_1055.pdf. Acesso em: 25 jun. 2019.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Revista INGI - Indicação Geográfica e Inovação

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons
Revista INGI - Indicação Geográfica e Inovação. A Revista INGI está licenciada com a Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional

ISSN: 2594-8288

Esta Revista é uma publicação da Associação Acadêmica de Propriedade Intelectual - API - www.api.org.br